Páginas

terça-feira, 19 de agosto de 2014

CLARICEANDO

De corpo, mente e de sede inundada, mergulhou fundo na metade dela que ainda estava respirando. E sentiu a imensa vontade de estar em qualquer lugar melhor do que estar ali, junto da sua metade que não mais respirava.
------------------------------------------------------------------------------------------------

Algumas coisas nos cansam, algumas pessoas nos encantam, algumas leituras nos desligam e algumas taças nos anestesiam.
--------------------------------------------------------------------------------------------------------
Renovar a vida não só porque é o ciclo. Alguns ciclos eu não quero repetir.
------------------------------------------------------------------------------------------------
Fato é que o mundo gira demais e as vertigens derrubam.
-----------------------------------------------------------------------------------------------
A solidão é a vida precisando tomar rumo, como um cão sozinho na linha do trem. Onde ele vai e de onde ele vem e por quê ele continua caminhando?


regina vilarinhos - 2014

Nenhum comentário:

Postar um comentário