Páginas

quinta-feira, 1 de abril de 2010

Então tá, Feliz Páscoa!



Parece brincadeira, mas é isso mesmo. Feliz Páscoa!

Vamos lá: corram atrás do coelho, façam as brincadeiras, achem os ovos e lambusem a cara de chocolate. Soltem a criança (ou as crianças) que brinca dentro de você e está esquecida, triste, amargurada, procurando conforto nesta loucura de mundo moderno.

É preciso abrir o caminho para um alguém diferente dentro de nós. Deixar a nossa fertilidade de sonhos, a nossa fertilidade de amor explodir e dar muitas, muitas crias. Como um coelho, libertar o nosso prazer, a nossa alegria, a nossa malemolência, para parar de deixar os outros fazerem de nós o que bem entendem.

Perto de mim, só ovos multicoloridos, só doçuras, só ninhada e ninhada de sonhos.
Feliz Páscoa!

Um comentário: