Páginas

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Teu olho que me olha
pelo canto de meu olho
lança um brilho
de encanto
do canto
que não me lembro
de quando cantou
pela última vez.

Nenhum comentário:

Postar um comentário